Grávidas sim, mas cheias de estilo!

Quem disse que grávida não consegue ser fashion? Acabou o tabu de que as gestantes só podem usar macacão e vestidos largos. Essas peças podem até fazer parte do guarda roupa das antenadas, até porque estão em alta, mas atrelado a um acessório ou uma combinação despojada – chic. Você não precisa ser celebridade para ser uma grávida cheia de estilo. Em qualquer fase da vida, ter estilo está intimamente ligado a sua personalidade.

 

Já vai longe o tempo em que as grávidas se contentavam com meia dúzia de batinhas e duas calças com faixa elástica na barriga. Livres do conceito de que a gestação coloca a mulher no segmento dos seres sem sensualidade e, pior ainda, sem estilo, as futuras mães abandonaram o guarda-roupa tradicional.

 

Quando se fala em roupa para gestantes, logo se imagina batas, macacões, vestidos largos e calças de elástico. O problema é que esse tipo de roupa não combina com o estilo de algumas mulheres que, aos poucos, estão declarando independência das chamadas “roupas de grávida”.

 

Vestir-se como gente normal, estando grávida, demanda certa criatividade. Jeans, por exemplo, para quem não dispensa, pode usar os masculinos de cintura baixa, ou até mesmo os femininos, basta colocar um ou dois números a mais e ele durará toda a gravidez. Os tecidos devem ser confortáveis, as modelagens de acordo com a moda mas sem abrir mão de conforto e qualidade. Algumas lojas especializadas como a Zazou, localizada na Rua Prof. Atílio Innocenti, 952 Vila Olímpia – São Paulo, já oferece modelagens para grávidas em um estilo mais atual e antenado nas tendências da estação e com uma modelagem exclusiva que traz conforto e segurança para as futuras mamães. A loja também oferece a possibilidade de comprar seus produtos pela internet.

 

Comprando ou não em lojas especializadas, o mais importante para a grávida é não deixar de ser o que sempre foi. Mesmo na gravidez, as roupas devem traduzir o estilo da mulher. Não precisa deixar de ser você mesma porque está grávida. Aproveite tudo o que tem em seu guarda roupa que permita usar sentindo-se cômoda e adquira algumas poucas peças novas, mas que tenha tudo a ver com o seu estilo. As mudanças hormonais e físicas da gravidez mexem com a auto-estima de muitas mulheres, por isso, é importante sentir-se bem com o que está se vestindo.

 

Se você é tradicional e se sentiria bem vestindo uma calça com faixa elástica na barriga e uns camisões largos, tudo bem. Mas se você é estilosa e gosta de peças diferenciais ou se é básica-chic, invista nas peças que traduzem a sua personalidade e seu novo barrigão cheio de charme. Gravidez não significa perder a sensualidade e o bom gosto, tão pouco mudar seu estilo de se vestir. Os looks atuais estão bastante democráticos e podem ser combinados com acessórios modernos para quem quer se vestir bem durante a gestação.

 

Abaixo, algumas fotos da Fernanda Lima, uma das grávidas mais estilosas do momento. Inspirem-se!

 

Beijos e até a próxima.

 

Vintage, a nostalgia está em alta!

 

Vintage, é um termo inglês que se referi aos vinhos de qualidade envelhecidos na própria garrafa. Atualmente foi emprestado e vem sendo usado na moda e na decoração. Representa o uso de peças autênticas do século passado (anos 40, 50, 60 e 70) mesclado a peças de outros estilos. O famoso estilo vintage vem das peças que marcaram épocas, ícones do século XX que ainda continuam brilhando neste século, misturadas a peças atuais que se tornou uma tendência no mundo da moda.

 

Estão mais fortes do que nunca as lembranças do passado e que continuam a influenciar os estilistas e criadores de todo o mundo. É uma aposta ousada que proporciona um diferencial a qualquer produção. Se você é do tipo que adora usar peças que pouquíssimas pessoas têm, faz um estilo próprio, mostrando atitude e elegância, não deixe de misturar seu jeans casual, uma t-shirt, lenços, óculos setentinhas, sapatilhas descoladas, faixas de cabelo, chapéus, estamparias, cintura marcada, babados, balonês, listras, bolinhas, laços e uma miscelânea de acessórios vintage trazendo graça e personalidade ao seu jeito de vestir.

 

O estilo vintage transforma em referência o melhor de todas as décadas. Para não errar, vai uma dica, se desejar compor um look vintage o segredo é não misturar demais, ou seja, “não pesar a mão”, mesclando assim peças retrô com outras mais modernas.

 

10 Chic Lições para tornar-se mais estilosa – By Glória Kalil

 

Amei essa reportagem do site Chic da Glória Kalil, ela é ma-ra-vi-lho-sa! Uma inspiração e tanto. Então aproveitei para deixar as antenadas com dicas bastante estilosas e super atuais.

Glorinha preparou uma lista com 10 itens que apareceram nas passarelas dos últimos desfiles de verão para deixar seu look inusitado!

 

 

 

10 Chic-lições para tornar-se mais estilosa

 

Conhecer as últimas tendências de moda é tarefa simples, já que elas costumam estar ao alcance das mãos para quem quiser pegar. Figuram do editorial da Gloria à capa da revista, até chegarem às vitrines das lojas, assim que as novas coleções são lançadas.

Ter estilo, no entanto, exige um pouco mais de elasticidade – de idéias, não de esforço físico! Quer praticar? Comece pegando leve: usar um acessório de peso ou mudar o jeito de pensar a roupa de festa são bons exercícios iniciais – e costumam gerar ótimos resultados em pouco tempo.

A seguir, uma lista com 10 itens tirados das passarelas do verão 09. Dá para começar a treinar seu estilo já nesta estação!

. Não pule a corda
Ela apareceu em forma de alça, redesenhando chapéus e até como cinto. Amarre-se nas cordas certas: rígidas, marcantes e multicoloridas, para enfeitar peças básicas. 

. Cocktail dress é must have
Deixe os longos e longuetes descansando e pule dentro de um vestido curto, bem charmoso, para rejuvenescer o visual na próxima festa.

. Menos índigo, mais blue
Lembra-se dos anos 1980, quando um bom blue jeans era azul claro, manchado ou quase branco? Estique-se de volta àquela época para ganhar ares de atual (mas invista nos modelos folgados).

. Uma cor de cada vez
Saia de casa, correndo, vestindo azul dos pés à cabeça. Ou vermelho. Ou amarelo. Escolha ao menos uma peça de modelagem ousada para não parecer que está de uniforme.

. Celebre as pulseiras
No plural mesmo: pulseiras. Use várias, coloridas, num braço só, ou mesmo nos dois. Se não gosta do acessório, tente um colar grande, marcante, com jeito de poderoso. Força!

. Linho é lindo
O tecido apareceu de monte. Mas como você é estilosa, vai usá-lo de maneiras inusitadas, como no vestido curto de festa ou no… Maiô! Tem fôlego?

. Firme os pés
Os sapatos estão cada vez mais pesados e masculinizados. Você, que é moça fina, vai contrastar a forma sisuda com cores bem femininas, como as pastel. Use-os com as pernas – em forma – de fora.

. Uma outra praia
Dia de folga: biquíni-cortininha-com-calcinha-de-lacinho não te parece infantilzinho demais? Experimente um modelo desconstruído ou extracomportado (nem que seja nos dias nublados, para não estragar a sua sagrada marquinha de sol, vá lá).

. Chapéu é cool
Um modelo fedora ou um panamá vão aumentar bastante a sua pontuação fashion. Esforço zero: só tem que combinar com o seu rosto e ser usado ao ar livre, de preferência.

. Seja inesquecível
Passe para o próximo nível: ouse sentir-se livre para pensar em novos jeitos de se vestir. Comece pela festa. Esqueça os cocktail-dresses-de-seda-com-brilho – que tal um vestido-escultura-abre-alas ou um feito de metal multicolorido? Você vai quebrar recordes de estilo

Brechó Retrô em Salvador

A mulher que visita o brechó está fazendo muito mais do que moda, ela está buscando atitude, mostrando que é possível buscar produções descoladas para usar no dia a dia e em diferentes ocasiões.

 

Muita gente imagina que em um brechó só encontram peças velhas, desorganizadas e empilhadas que não servem para nada. Dá pra ficar fashion, sem fazer o estilo da vovó, garimpando peças versáteis e estilosas que darão um toque vintage transformando seu look básico em produções irreverentes.

 

Aqui em Salvador pesquisando moda aos “quatro cantos” encontrei um brechó maravilhoso, o Miscelânea Chik, Um lugar com ar retrô, que mistura a máquina de costura do tempo da vovó com roupas usadas de marcas famosas como Daslu, Isabela Capeto, Versace, Dolce & Gabana, e novos talentos da moda baiana alem do acervo cultural e figurinos de época.

 

O Miscelânea trabalha com consignação de peças, das quais é feita uma triagem, além do aluguel de roupas. Os artigos devem estar higienizados e a tabela de preço é variada, fixada em consenso com o fornecedor. Outro lema do brechó é a preocupação com a sustentabilidade do planeta. O três “erres” definem a causa: recicle, renove e reinvente seu estilo de vestir.

 

Um brechó é o lugar ideal para se desfazer de uma peça que você não usa mais e adquirir outra por um preço mais acessível, até porque o vintage está em alta, apesar de , aqui na Bahia, as pessoas ainda possuírem preconceito.

 

Então aproveite para quebrar seus paradigmas e dar um pulinho na Miscelânea Chik, que fica na Rua Professor Lemos Brito, Ed. Vitrine do atlântico, em frente ao Barra Flat, barra. Tel: 71 32646676.

 

 

 

Amarre-se neste Verão!

O cinto usado com vestido se tornou um acessório forte e vai pegar na próxima estação. Ele apareceu em diversos desfiles da Semana de Moda tanto no Fashion Rio como na São Paulo Fashion Week.

É uma forma diferente de mudar a cara dos vestidos que usamos no dia a dia e deixar o look bacana e bastante atual.Vejam as fotos abaixo e deixe seu vestidinho da coleção passada com cara contemporânea do Verão brasileiro!